Contigo nunca me perco, perdendo-me ! (Ricardo Santos)

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Eyes Thru Glass (20) – Parque dos Poetas em Oeiras

Aqui neste blogue e no “Eyes thru Glass“ mostro aquilo que os meus olhos vêem, através da objectiva.

Aqui ficarão somente as fotos, sem texto ficcional e sem música, apenas uma breve introdução, onde são tiradas e quando, e eventualmente alguma especificação técnica. Cliquem sobre a primeira foto para poderem vê-las em formato maior.

Nos dias 19 de Fevereiro e 18 de Agosto de 2015, visitei o Parque dos Poetas, me Oeiras e “bati” algumas fotos por lá.












29 comentários:

  1. Ando há anos a sonhar com este parque.
    Vamos a ver quando será a visita.
    Parece que este ano foi ampliado. Pelo menos foi o que me disseram.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Parque é enorme e maravilhoso. Vais gostar de o visitar. Neste momento para mim ainda tem um único defeito. As zonas de sombra são escassas, dado que as árvores muitas delas ainda não chegaram convenientemente ao estado adulto.
      Obrigado Elvira

      Eliminar
  2. espero visitar quando for a Lisboa , Ricardo!!!
    as arvores estão a crescer e esta a ficar mais bonito
    obrigada pela partilha das fotos !
    Angela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim as árvores estão a crescer e ainda bem. Precisam-se de sombras !
      Obrigado Ângela

      Eliminar
  3. Belíssimas as tuas fotos deste emblemático Parque. A primeira vez que tomei conhecimento desta maravilha, foi através de um 'Enigma' do Rui, ou terá sido teu, Ricardo? Olha, agora deu-me uma 'branca':(
    Aquando do nosso Encontro, poderias juntar o útil ao agradável e escolher um local algures aí por perto. Que tal?
    Fica a sugestão. :)
    Obrigada por este lavar d'olhos e d'alma!

    Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deve ter sido num enigma do Rui que eu lhe arranjei as fotos :) !
      Janita o Parque é um pouco longe de Lisboa, e as pessoas estarão, digo eu, condicionadas ao regresso a casa.
      No 2º. Encontro em Lisboa, a Afrodite, a Maria, o Rui, a Lena e eu fomos visitá-lo. Eles gostaram imenso !
      Obrigado Janita

      Eliminar
  4. Ando há uns tempo para visitar este parque e ao ver estas fotos belíssimas, com mais vontade fiquei.

    Beijos Ricardo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tu diz e eu faço-te uma visita guiada e tiras as fotos que quiseres e te apetecer. É bonito e muitíssimo agradável naqueles dias em que o calor não é muito !
      Obrigado Manuela

      Eliminar
  5. Conheço o Parque e gostei de o rever porque está muito mais "composto" as árvores estão bem maiores desde a última vez que lá fui.
    bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade Papoila, mas algumas árvores ainda precisam de crescer mais um pouco, embora esteja muito melhor !
      Obrigado

      Eliminar
  6. Vou a Oeiras com frequência, pois 2 das minha irmãs moram lá...e nunca lá fui!

    Amei as tuas fotos!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Elisa é boa altura para o visitares. Escolhe um dia pouco quente, leva um chapéu de Sol, uma garrafa de água, a máquina fotográfica e uma vontade grande andar ! :)
      Obriga pela visita

      Eliminar
  7. Como sabes devo-te a ti o conhecimento ao vivo deste belíssimo Parque, em 18 Outº 2015, muitíssimo bem acompanhados !
    Tenho ainda bem viva essa recordação deste Parque !
    Belos motivos fotográficos e belíssimas fotos, Ricardo !

    Abraço :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi um prazer levar-vos a visitá-lo. Faria-o de novo se houvesse oportunidade, para. Se em vez de almoço, no dia 8, fosse jantar, estando bom tempo, alugava um mini-bus e iríamos todos lá !
      Abraço Rui e obrigado

      Eliminar
  8. Este parque é mágico,vivi perto quando estive gravida e visitei-o bastante. Deixei-me perder em cada pedaço e encantar até pelo chão,onde estão gravadas poesias belíssimas.
    Vale bem o passeio,que se pede demorado.
    Obrigada por esta (re)visita!

    Mimos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esmeralda tens toda a razão. Este Parque tem algo de mágico, é maravilhoso, acolhedor, tem zonas de descanso e de passeio e tem uma vista sobre o rio Tejo, com o farol do Búgio ao centro, soberba !!!
      Obrigado

      Eliminar
  9. Não conhecia a existência do Parque dos Poetas. Parece-me um jardim muito bem cuidado, localizado numa colina e com uma vista muito abrangente e muito bonita.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É lindíssimo Catarina. Acredito que a manutenção do mesmo, que é feita a preceito, seja bastante dispendiosa. Mas as pessoas que vivem em Oeiras, devem sentir-se orgulhosos deste Parque, com letra maiúscula.
      Obrigado

      Eliminar
  10. Tenho que passear mais por Portugal.
    Vou passeando virtualmente na blogosfera e a vontade de conhecer in loco vai crescendo.
    Aquele abraço, bfds

    ResponderEliminar
  11. Para quem estiver longe e estiver à vontade na Internet aqui fica, um visita de 360 graus sobre o Parque dos Poetas !

    http://www.visitasvirtuais.com/local.aspx?id=ParqueDosPoetas#.WUQRlmgrL4Y

    Abraço

    ResponderEliminar
  12. cá está um sítio que tenho muita vontade de visitar. Vou pelo menos, e para já, fazer a visita virtual. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Faz mas vem cá ver pessoalmente. Vale mesmo a pena. Um dia com bem menos calor que o de hoje de preferência.
      Obrigado Luísa

      Eliminar
  13. Lovely statues. The hat on the man's head is a fun idea.
    I like all of these photos.
    Hugs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. These statues are part of a large park located in Oeiras, 30 kilometers from Lisbon. They represent poets of the Portuguese Literature. The park is called the Park of the Poets.

      The poet with the big head and two women as hat, is David Mourão-Ferreira (https://en.wikipedia.org/wiki/David_Mour%C3%A3o-Ferreira), a brilliant poet of the twentieth century, unfortunately already gone!

      Thank you and Regards Orvokki

      Eliminar

  14. Que belas memórias aqui vim colher, Ricardo!
    A visita a este lugar mágico, como diz a Esmeralda, ainda está bem presente na minha mente, porque era um local que eu idealizava visitar, conhecia apenas de o visitar pelo Google Maps, e a tua ideia de nos levares lá foi uma surpresa maravilhosa.

    Considerando que as tuas fotos já têm dois anos, acredito que passado este tempo as árvores já tenham crescido mais um pouco e as sombras já sejam mais apetecíveis.

    Beijinhos à sombra
    (que com este calor nem se pode sair de casa)
    (^^)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fiquei muito satisfeito de vos ter levado lá, e sei que vocês gostaram imenso. As árvores estão mais crescidas sim e já existem sombras muito agradáveis.

      Obrigado Afrodite

      Eliminar
  15. Também gostaria de ir lá...
    Pode ser que dê :)

    http://golimix.blogs.sapo.pt

    ResponderEliminar

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.